ADUFPI PARTICIPA DO 9º CONAD EXTRAORDINÁRIO!

A ADUFPI vem se posicionando e lutando contra toda forma autoritária de governos que atacam os direitos constitucionais duramente conquistados

Diante do período de excepcionalidade que se apresenta em decorrência da pandemia da Covid-19 no ano de 2020, um dos maiores desafios a serem pautados é o de planejar e cumprir um calendário de lutas visando mobilizar e manter ativa a categoria docente.

Em um ano em que diversos ataques advindos do Governo Federal se fizeram presentes no cotidiano de professoras e professores, desde a ameaça dos cortes orçamentários para Instituições Federais para o ano de 2021 até a tão inoportuna e desmedida proposta de Reforma Administrativa que ataca direitos das/dos servidores públicos e mantém os privilégios das elites brasileiras, nossos deveres se acentuaram ainda mais, visto a necessidade de uma organização combativa e pontual contra o processo precarização imputado ao exercício de nossas funções.

 A ADUFPI vem se posicionando e lutando contra toda forma autoritária de governos que atacam os direitos constitucionais duramente conquistados, dentre eles a democracia, mesmo em períodos de grande dificuldade fez e se fará presente em todos os movimentos necessários para garantir e fazer valer os direitos da classe trabalhadora, uma vez que, fortalecer nossa frente sindical está intrínseco às nossas responsabilidades enquanto associação.

Este ano, mesmo com tantas intempéries, participamos do 9º CONAD Extraordinário com o tema “A vida acima dos lucros: Em defesa das instituições de ensino, dos serviços públicos e da autonomia sindical!”, realizado no período de 28 e 30 de setembro, de forma virtual. O encontro ocorreu em um momento que mais 145 mil pessoas morreram em nosso país, em decorrência da Covid-19. Um triste marco para todo o povo brasileiro e que não são apenas números e estatísticas, e sim, vidas. É valido ressaltar que estas vidas não foram alvo apenas das ações de um agente patógeno, mas também, são resultado do despreparo e descaso com o qual o Governo lidou com a crise sanitária provocada pelo novo coronavírus.

O 9º CONAD Extraordinário discutiu três temáticas: Movimento Docente e Conjuntura, Plano de Lutas dos Setores e Questões organizativas e financeiras. Nesta última, foi abordado o processo eleitoral do Sindicato Nacional. Ao todo estavam presentes, virtualmente, 67 delegados, 124 observadores, 26 diretores nacionais representando 70 associações docentes de todo o Brasil. A ADUFPI participou integralmente do CONAD com um Delegado, representado pelo Prof. Alexandre  Medeiros e duas Observadoras, Profa. Marta Maria Azevedo Queiroz e a Profa.  Edna Maria Magalhães do Nascimento. Os três foram escolhidos em Assembleia Geral da categoria.

Em relação às deliberações aprovadas no 9º CONAD Extraordinário, relativas às eleições para a Diretoria do ANDES-SN – Biênio 2020/2022,  ficou definido que as campanhas para a disputa da Direção do ANDES, foram retomadas desde o  dia 1º de outubro de 2020 e que as eleições ocorrerão nos dias 3, 4, 5, e 6 de novembro de 2020, em formato tele presencial, através da montagem de mesas coletoras virtuais.

A ADUFPI reitera a importância da participação de toda a categoria para a escolha da gestão do nosso sindicato nacional e para as lutas que estamos a enfrentar nesse período em nossa sociedade.

Em anexo  a Carta do 9º CONAD Extraordinário, ocorrido entre os dias 28 e 30 de setembro de 2020.