• ÚLTIMAS
728 x 90

Comunicado: Descontos em Conta Corrente ou Correspondente Bancário

  • In Sindical
  • 09:23, Mar 28
  • 647 visualizações

Prezados(as) associados e associadas, entenda agora os encaminhamentos deliberados em assembleia geral sobre os descontos em conta corrente ou correspondente bancário

Em Assembleia Geral da Categoria, realizada no dia 19 de março de 2019, na sede deste Sindicato, tendo como pontos de pautas:

1. Deliberar sobre MP 873/2019 que afeta o funcionamento e sobrevivência dos sindicatos nos seus aspectos político-financeiro.

2. Deliberar sobre ações para o dia 22 de março de 2019 como forma de combater os ataques do Governo Federal aos trabalhadores e trabalhadoras.

Considerando a série de ataques do governo federal à classe trabalhadora, aos movimentos sociais e aos sindicatos (através de Leis, Medidas Provisórias ou Projetos de Emendas Constitucional, a exemplo da PEC da proposta de reforma da previdência), a categoria deliberou por:

a) aprovar a autorização de desconto de valores equivalentes a 1% (um por cento) em conta corrente ou correspondente bancário de todos os associados e associadas, à título de contribuição de manutenção solidária da associação.

Tal medida visou assegurar a manutenção do conjunto de compromissos financeiros já firmados à décadas, assim como também possibilitar as condições materiais de manter a organização sindical da categoria, fortalecendo ainda mais a resistência contra os ataques aos direitos dos trabalhadores(as).

b) apoiar e participar dos atos e ações de rua do dia 22 de março de 2019 em combate aos ataques aos trabalhadores através da PEC da maldade que propõem a reforma da previdência que tramita no Congresso Nacional;

c) panfletar em todos os campi UFPI denunciando e esclarecendo sobre os ataques do governo à sociedade em múltiplas frentes;

d) aprovar uma agenda de debates sobre a reforma da previdência nos diversos Campi e nos diversos Centros e Colégios da UFPI

e)  aprovar Moção de apoio aos professores da UESPI em greve.

Reafirmamos que mesmo apesar dos múltiplos ataques aos trabalhadores, os sindicatos e movimentos sociais estarão ainda mais fortes na resistência contra o pacote de maldades instituídas antes e depois da eleição do presidente Jair Bolsonaro que visam acabar com conquistas históricas das populações mais desassistidas desse país! Tais ações fascistas/ditatoriais jamais irão nos abater, a força virá das ruas!

Juntos, somos mais ADUFPI.  

A DIRETORIA DA ADUFPI/SSIND

CLIQUE AQUI PARA LER O ENCAMINHAMENTO NA ÍNTEGRA

Deixe seu comentário