• ÚLTIMAS
728 x 90

ADUFPI lembra dia da mulher com reflexão contra violência

  • In ADUFPI
  • 10:41, Mar 11
  • 184 visualizações

O dia internacional da mulher, 8 de março,  foi comemorado pela ADUFPI em sua sede social. Um colóquio com o tema “Conversa de mulheres com homens” destacou a necessidade de discutir a violência contra o sexo feminino. A data foi marcada também por distribuição de rosas, café da manhã seguido de show musical de Edvaldo Nascimento e Rubinho Figueiredo.

Apesar das diversas manifestações e campanhas que alertam sobre a violência contra a mulher, os números continuam a mostrar a gravidade relacionada a este tipo de agressão. De acordo com uma pesquisa realizada em novembro de 2014 pelo Instituto Avon em parceria com o Data Popular, 3 a cada 5 mulheres já sofreram algum tipo de violência dentro de relacionamentos. Observando esta realidade, o evento promovido pela ADUFPI, contou com a presença de homens e mulheres acompanhando os debates e teve como convidada a Doutora em Políticas Públicas, Rosângela Sousa, assistente social com atuação na área de proteção à mulher e também pesquisadora do Núcleo de Pesquisa de Políticas Públicas da Universidade Federal do Piauí, que estimulou uma discussão baseada no Feminicídio como última etapa do ciclo da violência contra a mulher.

Rosângela Sousa destacou também a maior colaboração das mulheres nos diferentes âmbitos sociais.  “No passado as mulheres eram minoria, hoje de uma turma de 25 pessoas apenas 1 é homem. Temos mulheres na Presidência da República, na nossa reitoria uma vice, nas câmaras e assembleias, isso sem falar no executivo que aqui no Piauí tem uma vice na esfera estadual”.

Entre os convidados estavam muitas mulheres acompanhadas de seus pares. Nadir Nogueira, vice-reitora da UFPI prestigiou o evento e falou sobre a dificuldade legal no reconhecimento da importância da mulher em nossa sociedade. “Ainda temos que ter leis que mostrem que somos iguais, combater a violência física e psicológica também e compreender que a posição da mulher é algo natural”.

O presidente da ADUFPI, Marcos Antônio Santos, acompanhados de vários diretores da entidade marcaram presença e conduziram a homenagem. “Hoje é um dia de festa, aproveitamos a data para homenagear as mulheres que fazem parte da ADUFPI por entendermos que é fundamental a construção de uma sociedade que respeite a todos sem distinção de gênero. Preparamos um café da manhã com rosas e até show musical, mas também propomos um debate de reflexão sobre um tema que sonhamos em tirar da pauta nacional: a violência. Entendemos que o espaço sindical é extremante adequado para esse debate, basta lembrarmos que a comemoração do dia da mulher nasceu da violência contra mulheres operárias”, frisou o presidente da ADUFPI.


Ascom ADUFPI.

Deixe seu comentário